• Grey Vimeo Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon

As cidades são organismos complexos moldados por uma infinidade de forças, mas sua organização tem as impressões digitais de planejadores e formuladores de políticas que as moldaram por décadas.

O bairro do espinheiro, foi batizado inicialmente de Matinha e atualmente é um bairro com aproximadamente 12 mil habitantes, numa área equivalente a 70 campos de futebol e cercada pelos Aflitos, Encruzilhada, Graças, Santo Amaro e Torreão. Perto dali, o Alto José do Pinho, nascido de uma ocupação nos anos 40, quando foi incorporado a dimensão urbana da cidade. As manifestações culturais do Alto são as obras mais ilustres revelações do bairro. Elas se distribuem nas mais diversas formas e cores.

Na raiz de muitas dessas práticas está o racismo, e as cidades modernas carregam o legado dessa discriminação. Em uma era de protesto social, é hora de reavaliar as práticas que perpetuaram esses problemas - e como os consertamos.

 

“O jeitinho não é causa, nem sintoma da corrupção. Ele é resposta, como prática social, à verdadeira – e negligenciada – causa da corrupção no Brasil, dentre outras, que é a desigualdade.”

Roberto Schwartz
 
  • Grey Vimeo Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon

© 2018. Site criado no Wix.com

Álvaro Ferraz - Infraestrutura

alvarovilarim@gmail.com

Ana Flávia Barros - Saúde

anafbarrosoliveira@gmail.com

Gabriela Pitão - Acessibilidade Urbana

gabrielacpitao@gmail.com

Manuella Correia - Educação Básica

manuucorreia@gmail.com

Mª Eduarda Bravo- Saúde/Economia

m.eduardabravo@hotmail.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now